The Black Angels

1ª Parte: Ron Gallo

The Black Angels, a banda de rock psicadélico de Austin, passa por Portugal dia 04 de setembro, para apresentar o mais recente trabalho de originais, “Death Song”, com um concerto no Hard Club, no Porto.

A banda composta por Alex Maas, Christian Bland, Kyle Hunt, Stephanie Bailey e Jake Garcia, ganhou o respeito da crítica e dos fãs não só pela arrebatadora discografia de estúdio, como pelas fortes atuações ao vivo, que por unanimidade elevam as músicas a um extremo. O jornal The New York Times, inclusive, salientou, numa das suas críticas, que os The Black Angels ao vivo têm a capacidade de tocar rock psicadélico como se os anos 60 nunca terminassem e são absolutamente mestres ao fazê-lo. Já Mass diz que não considera “Death Song” psicadélico, mas sim um álbum de rock n’ roll.

Para muitos este quinto disco de estúdio é um dos melhores de sempre da carreira da banda e já está a seguir as pisadas do bem-sucedido álbum de estreia “Passover”, editado em 2006. Produzido por Phil Ek (Father John Misty, Fleet Foxes, The Shins), “Death Song” é considerado o mais político trabalho do grupo, onde a lírica explode todo o tipo de questões atemporais misturadas com o som neo-psicadélico, género que faz jus ao nome da banda, que assumiu originalmente da música “The Black Angel’s Death Song” dos The Velvet Underground.

 

The Black Angels convidam Ron Gallo para a abertura do concerto dia 04 de setembro no Hard Club Porto. Acompanhado por Joe Bisirri, no baixo, e Dylan Sevey na bateria, Ron traz a Portugal músicas que envolvem elementos de rock e de garage punk. O músico e compositor americano que iniciou a sua carreia a solo em 2014, após o grupo Toy Soldiers, desde então conta com o lançamento de vários EPs e o álbum “Heavy Meta”.

The Black Angels - Currency

Comentários