Vetusta Morla

VETUSTA MORLA EM PORTUGAL DIAS 25 E 26 DE MAIO

Banda de rock espanhola apresenta novo disco no Hard Club do Porto e no Coliseu de Lisboa.

Os Vetusta Morla têm o regresso a Portugal marcado para dias 25 e 26 de Maio no Hard Club, no Porto, e no Coliseu dos Recreios, em Lisboa, respectivamente. O nosso país faz parte da digressão mundial de apresentação do novo álbum, “Mismo Sitio, Distinto Lugar”, que durante quatro meses, de Março a Junho, vai passar ainda pelo Peru, Chile, Colômbia, México, Argentina e Espanha, num total de 16 concertos.

Com edição marcada para 10 de Novembro, “Mismo Sitio, Distinto Lugar” tem como single de avanço “Te Lo Digo A Ti”, que conta com um videoclip realizado e protagonizado pelo cineasta Nacho Vigalondo, com a colaboração da actriz Lolita Flores e do músico Nacho Vegas.

Resultado de uma emocionante viagem entre a sala de ensaio da banda, em Madrid, e os míticos Hansa Studios em Berlim, os recônditos Tarbox Road Studios em Cassadaga, no norte dos Estados Unidos, e o lendário Sterling Sound de Nova Iorque, em “Mismo Sitio, Distinto Lugar” os Vetusta Morla concretizam o desejo de trabalhar com músicos e produtores como Campi Campón (Jorge Drexler, Natalia Laforucade, Xoel López), Dave Fridmann (Mercury Rev, Tame Impala, The Flaming Lips, Spoon) e Greg Calbi (The National, Bon Iver, Arcade Fire, Fleet Floxes).

Dez anos depois da edição do álbum de estreia, “Un Día en El Mundo” (2008), os Vetusta Morla regressam aos originais com o esperado “Mismo Sitio, Distinto Lugar”, o sucessor de “La Deriva”, álbum que os trouxe pela primeira vez a Portugal em 2015 e os consagrou no palco principal do NOS Alive em 2016. Ao longo de dois anos de digressão, com mais de 120 concertos em uma dezena de países da Europa e da América, mais de meio milhão de pessoas aplaudiram o sexteto madrileno. Em 10 anos, receberam dois discos de Platina (“Un Dia en El Mundo” e “15151”) e dois discos de Ouro (“Mapas” e “La Deriva”), sendo ainda considerados pela Rolling Stone a banda do milénio em Espanha.

Sobre os Vetusta Morla:

Oriundos de Tres Cantos, a norte de Madrid, os Vetusta Morla – Pucho (voz), David “el Indio” (bateria), Álvaro B. Baglietto (baixo), Jorge González (percussão), Guillermo Galván (guitarra e teclados) e Juanma Latorre (guitarra) – juntaram-se no final dos anos 90, mas só editaram o primeiro disco em 2008. “Un Día En El Mundo” – que saiu em edição de autor – foi Disco de Platina por vendas superiores a 40 mil exemplares, conquistando não só o público mas também a crítica especializada. Em 2011 lançaram “Mapas”, trabalho que veio confirmar o talento do sexteto. Disco de Ouro, valeu-lhes o prémio da Rolling Stone para melhor digressão em 2012, ano em que deram mais de 100 concertos.

Em 2014 saiu “La Deriva” que entrou directamente para o primeiro lugar dos discos mais vendidos e tem contado com lotações esgotadas nas apresentações ao vivo em Espanha mas também no México, Argentina e Colômbia. Vencedores de sete prémios da Música Independente em 2015 – melhor artista, álbum, canção “Fuego”, melhores ao vivo, melhor produção, fotografia e design –, os Vetusta Morla, foram ainda distinguidos com dois prémios pela revista Rolling Stone – “Melhor Disco do Ano” e “Grupo do Milénio”, um galardão comemorativo do 15 aniversário da revista. Em 2016, acumularam mais três distinções nos Prémios MIN da Música Independente: Melhor Artista, Melhor Banda ao Vivo e Melhor Videoclip (“Cuarteles de Invierno”).

Depois de uma intensa digressão, que os levou à América do Sul, Inglaterra, Alemanha, França e a Portugal, a banda editou no final de 2015 o disco duplo ao vivo “15151”, gravado no Barclaycard Center em Madrid. Em Abril foi editado o primeiro livro dos Vetusta Morla, “Memoria Instantánea”.

Dia 10 de Novembro editam o quarto álbum de originais, “Mismo Sitio, Distinto Lugar”, trabalho que os devolverá aos grandes palcos, ano e meio depois do fim da aclamada e esgotada tour de “La Deriva”.

 

MAIS SOBRE Vetusta Morla

Comentários